quinta-feira, 25 de junho de 2009

Tsc, tsc, tsc.

Peguei-me na semana passada sendo apresentada a um vídeo mágico do Nightboys no YouTube. Aposto que sabem como é isso, aliás eu acho o máximo essa VELOCIDADE DA INFORMAÇÃO - em todos os sentidos! Vem um amigo, na janela do seu msn e te passa um determinado vídeo em conjunto com um ''Olha isso!'' e uma sequencia de risadas escandalosissímas!
Para quem não viu, vale muito a pena ver. É um grupo irreverente de garotos que resolveram dançar ''When I Grow Up'', das PussyCat Dolls na rua. Pois bem, eles são magníficos. Óbviamente o vídeo ficou engraçadíssimo e tenho que admitir que eles dançam muito bem - para quem conhece o clipe das Pussycat's, vai reparar que a coreografia é IDÊNTICA ao clipe original. Eu achei divertidíssimo e fiz questão de deixar o meu comentário.

Óbviamente uma grande parte dos comentários do vídeo são críticas de homens relacionadas ao comportamento um tanto quanto feminino dos integrantes do grupo - associando o vídeo ao homossexualismo. Há sim a possibilidade dos membros serem homossexuais, mas e daí?
Porém, o que me chamou mais atenção foram os comentários de alguns indíviduos incomodados com a associação do vídeo a comunidade GLBT (Gays, Lésbicas, Bissexuais, Transgêneros) dizendo com essas palavras:



  • "Os gays não se respeitam (detalhe: sou assumido). Que lixo. É por essas e outra coisas que o meio gay está queimado!"

  • ''Bichas queimando o filme da comunidade GAY. Pessoas pelo amor de Deus, a comunidade GAY não é só este tipo de mutante do 'clip'!''

  • ''É por causa dessas bichas podres que gostam de se aparecer que os homossexuais sofrem preconceito!''


Esses comentários me incomodaram. Óbviamente os comentários criticando as "estrelas" do vídeo também me incomodaram, mas não me surpreenderam - porque essa é a nossa sociedade: conservadora, hipócrita e preconceituosa. Mas ler comentários de integrantes da comunidade gay com frases preoconceituosas, é de me deixar pasma. Sinceramente. Fiquei me perguntando se existe algum tipo de "Manual do Gay" - o qual esses pobres dançarinos covers esqueceram-se de ler, supondo, óbviamente que eles realmente sejam gays. E se já não bastasse uma sociedade toda cheia de rótulos e arquétipos, os próprios integrantes de uma comunidade excluem determinados sujeitos por... Serem eles mesmos - acredito que um dos princípios da luta da comunidade GLBT. Contraditório, não?




6 comentários:

Gil disse...

Vc ficou realmente intrigada! Na verdade, eu não fico mais surpreso com nada, eu te disse. Nem com o vídeo eu fiquei qnd me mostrou, muito menos com os comentários! Welcome to real world, honey!;&

kikinhah disse...

Eu já conhecia esse vídeo...
Divulgaram ele na comunidade do BBB, e realmente é muito engraçado.
Agora qt aos comentários, infelizmente preconceito ainda existe!!! Lamentável.
Passa lá no meu blog.
BjOs

Paulo Roberto disse...

Infelizmente o preconceito sim está presente em nossa sociedade, em todos os elos, até quem sofre preconceito acaba sendo preconceituoso..

Gostei do seu blog, estou te seguindo a partir de agora.

E obrigado pelo comentário, gostei..

Vinicius Gabriel disse...

Ahhh isso é uma coisa que nunca vai mudar.
O preconceito contra os gays no País é algo para mim irreversível!
Mas, fazer o que? Temos que nos acostumar, e as próprias pessoas que escolhem esse tipo de opção sexual tem que saber que vão passar por isso, e assim vamos levando !

Sobre seu comentário em meu blog.. Como assim Thundercats não é do seu tempo? Tenho um ano a mais que você, e eu via eles sempreeee!
Nossa nem me fale do Marsupilami, muita saudade, minha namorada me chama disso! Fala que ele parece comigo --' hahahah

' Marsupilami vem correndo pela selva, mas que calda grande.. '
hehehe

Beeeijos.

Dark disse...

Não lembro de quem é a frase, mas, acredito que ela expresse bem como o mundo está...

"If we were to wake up some morning and find that everyone was the same race, creed and color, we would find some other cause for prejudice by noon."

Ps.: Curti o blog =D

°Bruno Fu! disse...

abaixo o preconceito! uuuhh